PÁGINA INICIALSOBRE MIMBLOGROLLCONTATO

02 dezembro 2014

Resenha: Maze Runner - Correr ou Morrer (James Dashner)

02 dezembro 2014 ///
  É, eu sei o que está acontecendo: sei que só tenho publicado resenhas. Já, já, isso vai mudar (terá mais posts aleatórios)!


  Correr ou Morrer é o primeiro livro da trilogia Maze Runner (os outros livros são prequel ou extras).

  Esses dias fui ao cinema e passou o trailer da adaptação cinematográfica do livro que ficou em cartaz dia 18 de setembro (acredita que não vi até hoje?). Fiquei super empolgada e louca pra ler, principalmente porque adoro ver filmes de livros que já li!

  Comprei meu exemplar pelo site da saraiva e chegou em 3 dias (yay!). Comecei a ler no mesmo dia que chegou e me deparei com um universo totalmente novo.


  O livro começa com Thomas acordando dentro de um escuro elevador em movimento, a Caixa, e tudo de que ele se lembra é o seu nome. Assustador, muito assustador. A partir daí já imaginei que a história seria intrigante.

  Quando a Caixa é aberta, ele se vê rodeado por garotos que chegaram pelo mesmo caminho e que também não se lembram porque foram parar ali e lhe falam que o lugar onde ele acabou de chegar é chamado Clareira. Um lugar enorme cercado por muros gigantescos com Portas que ficam abertas de dia e se fecham à noite desafiando todas as leias da física. Até aí tudo bem. O problema inicia quando a gente percebe que Thomas é muito curioso. Consegue sempre se manter no centro da atenção dos Clareanos, mesmo que não queira.

  Neste livro o que gostei de ver foi a disposição dos garotos para sobreviver e tentar sair do local. Além disso também tentam desvendar o mistério do labirinto e, pelo amor de Deus, não encontrar com um Verdugo (animais estranhos que aparecem no labirinto todas as noites quando as Portas se fecham).


  Na Clareira ele conhece vários garotos, entre eles o Chuck que mesmo sendo um pouco chato às vezes, se torna seu amigo. Thomas cisma que quer ser um Corredor. Newt e Minho também foram personagens que acabei gostando bastante.

  Tudo mudou desde que Thomas chegou na Clareira. E tudo fica mais estranho ainda quando, um dia depois de ele ter chegado, mais uma pessoa chega na Clareira. E dessa vez é uma garota (é a única garota enviada em dois anos). E ela chega com uma mensagem que muda tudo (no caso, muda mais), e depois entra em estado de coma.

  Pena que esse livro não tem muito romance, mas pode ser que isso mude no segundo livro. Estou louca pra saber logo! Já até comprei Prova de Fogo (que é o segundo).

  Não havia como tudo ficar mais estranho, até que essa garota acorda do coma. Quando eu achei que estava entendendo, percebi que ainda havia muito para descobrir.

  Várias coisas acontecem e muitas vidas são perdidas. Não vou contar mais do que isso para não dar spoiler. Os Verdugos estão à solta. A única coisa que posso dizer é que Thomas precisará se lembrar, sobreviver e acima de tudo “correr… correr muito!”

Recomendo! Narrativa extraordinária! Você vai sentir tensão, medo, nervoso… Tudo de uma vez só!


Nota: 5/5 - Nº de páginas: 428 - ISBN: 9788576832478


Nenhum comentário:

Postar um comentário


COPYRIGHT © 2016 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
DESIGN E DESENVOLVIMENTO POR Escolhas Criativas