PÁGINA INICIALSOBRE MIMBLOGROLLCONTATO

26 agosto 2014

A dificuldade de ser levada a sério com 15 anos

26 agosto 2014 ///

  Hoje em dia eu sinto que há a dificuldade de ser levada a sério com 15 anos. Algumas pessoas (não vou generalizar), principalmente adultos, agem como se eu apenas pensasse em festas e não me preocupasse com mais nada. Pelo contrário, fico pensando em que faculdade farei e fico desesperada pois não faço a mínima ideia de qual profissão irei cursar. Fico pensando em como estará minha vida daqui a 20 anos e fico desesperada pois não tenho nem ao menos uma dica de como ela estará. Ou de como eu estarei. Penso em fazer minhas obrigações e chego a ter calafrios pois já estou tão cansada de tudo e minha vida apenas começou... Meus problemas estão apenas começando e não vou mentir: isso me assusta.
  Entretanto, realmente, meus problemas não chegam aos pés dos problemas dos adultos. Não sou eu que pago as contas no final do mês. Não sou eu que levanto cedo para o trabalho todos os dias. Mas isso não quer dizer que eu não tenha opiniões formadas e que não deva ser ouvida. Estou tão cansada disso... Algumas pessoas agem como se fôssemos bonequinhos inocentes que não fazem a mínima ideia do que é viver. Todo mundo diz que não pareço ter quinze anos. Na minha vida, quase tudo acontece precocemente. Alguns dizem que minha alma é de gente idosa.
  Um dia eu estava conversando com uma garota normalmente. Estávamos falando sobre tudo; até o momento em que eu disse que tinha quinze anos. Ela mudou totalmente a forma como agia comigo. E não foi só com ela que isso aconteceu. Essas pessoas agem como se eu não soubesse de absolutamente nada. Nem ao menos tivesse ideia alguma sobre nada. Já aprendi muito com meus erros. Já fui muito julgada e já entendi como a sociedade funciona.
  Porém, irei admitir, que concordo em um ponto com as pessoas mais velhas: ainda tenho tanto para aprender e viver. E, pra falar a verdade, eu morro de medo de viver. Só que, isso não quer dizer que eu não sei de absolutamente nada. Pra falar a verdade, eu até sei demais para alguém com a minha idade.
  A questão é que eu também quero ser ouvida. Não quero que minha opinião e pensamentos sejam descartados apenas por pertencerem a uma garota de quinze anos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário


COPYRIGHT © 2016 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
DESIGN E DESENVOLVIMENTO POR Escolhas Criativas